sábado, 25 de fevereiro de 2012

Brotas, carnaval 2012

Novamente, preparamos nossas bagagens e  utensílios de camping e claro, a fiel e  companheira   Quéchua T6.2.

Saímos sábado cedinho, por volta das 06:00hs da matina para evitar o velho e bom trânsito que o carnaval proporciona e fomos para Brotas para mais uma acampada em família.

Cidade muito bonita com seus grandes casarões, estes da  época do café, principal fonte de renda do município na década de 20 e 30.
Diz a lenda local, que a origem do nome da cidade tem relação às nascentes onde brota muita água.
Com fácil acesso pela rodovia dos Bandeirantes e Washington Luiz fica a 240 km da Capital Paulista. A  cidade é conhecida como polo de Eco turismo, com muitas atividades para todos os gostos, idades e bolsos.  Os principais atrativos são os esportes  radicais como o Rafiting, canyoning, tirolezas e trilhas que levam a muitas cachoeiras.
Prepare o Bolso, pois todas as atividades são pagas e uma simples visita à cachoeira pode ter um custo de R$ 20,00 para entrar nas propriedades, mas vale cada centavo.
Ficamos no camping Raio de Sol, a escolha foi em razão das normas estabelecidas pelo camping, onde é proibido som automotivo e não havia baile de carnaval no local. Era tudo o que pretendíamos, usufruir do contato com a natureza sem a muvuca do mamãe eu quero!!
O Camping merece um capitulo a parte, com infraestrutura simples, mas com grande dedicação dos proprietários. A  propriedade era para uso da família e com o tempo perceberam ali uma oportunidade de negócio e começaram a trabalhar.
O local dispõem de quatro apartamentos e uma grande área verde,  com a grama bem cuidada para camping e muitas árvores, os  banheiros são poucos,  sendo dois locais divididos pela área e distribuídos da seguinte forma, banheiro na parte de cima masculino e feminino com um box para vaso e dois boxes com chuveiro quente e uma pia em cada .
No banheiro da área da piscina também  conta com dois boxes com vaso e um com chuveiro quente tanto masculino quanto o feminino.
Os poucos banheiros no camping não foram nenhum problema, pois eles tiveram o devido cuidado para não lotar o camping e realmente haviam poucas barracas, mantendo assim a  preocupação em receber bem o campista. Ponto Positivo!
Na parte de baixo o camping dispõem de diversas churrasqueiras e a piscina tem um bom tamanho.

O restaurante foi o princípio do negócio e a cozinha é comandada pela dona Helena, que fica em evidência que ela faz tudo com muito carinho. E como ela cozinha bem..., lá são servidas as três refeições diárias: café, almoço e jantar com pagamento à parte.
O café da manhã é servido na área externa do restaurante com diversos tipos de bolos feitos na hora, pão de queijo bem quentinho e muito suco  e também  café,  leite etc etc.
No almoço e no jantar, você pode comer por Kilo ou à vontade por apenas R$ 20,00.
A comida é bem caseira e como já dito, muito bem feita, em fogão e forno a lenha.
Em resumo, com simples instalações recomendo e com certeza voltaremos para este camping.
Deixo aqui meu abraço para Dona Helena, Seu Raul, Vivian e Kaio, muito obrigado pelo carinho!
Cabe observar que ir à Brotas o que você menos faz é ficar no camping ou hospedado, a cidade propicia passeios e expedições sendo obrigatório desbravar este belo município.

 Fazenda Areia que Canta
Uma linda nascente dentro da fazenda Tamanduá, é um ótimo local para contemplar as belas criações de Deus!

A água brota em meio a uma areia muito branca e fina de grãos de quartzo arredondados, e que quando friccionados produzem um som, por isso esse nome, Areia que Canta.



Reparem que a escada está submersa e para entrar na nascente é obrigatório o uso de colete e é totalmente necessário, pois você ao ficar em pé na nascente tem a impressão que está em areia movediça, pois você começa a afundar.


Saindo da nascente fomos conhecer as corredeiras no Rio Tamanduá que fica na mesma fazenda:
Em nossa opinião, vale a visita a esta fazenda
Em Breve, nova postagem sobre esta acampanda em Brotas com mais fotos e informações!
Abraços
Edu
Os Barraqueiros


6 comentários:

  1. Oi pessoal, Brotas é muito legal mesmo, quando fomos adoramos tudo por lá, mas é como vcs disseram, prepare os bolsos porque tudo se paga, rsrsrs. abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Zé, mas vale cada centavo. Agora volto para lá com as crianças um pouco maiores para aproveitar mais!
      Abraço

      Excluir
  2. Oi Edu.

    Houve uma época em que eu não saia de Brotas, eu até pagava o camping por mês pra você ter uma idéia. Adorei ver suas fotos e relembrar os lugares onde já estive, trouxe bastantes saudades. Naquela época só tinha o camping do jacaré, hoje já existem muitos na região, esse que você foi parece ótimo e iremos conhecê-lo, mas também quero ir para a região de Patrimônio um pouco a frente de Brotas.

    Bela acampada.

    Abraços.

    Ricardo & Família

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Ricardo, fomos até Patrimônio, rodamos bastante, mas com o tempo curto não vimos muita coisa.
      Passamos pelo camping do Jacaré e estava super lotado, aliás a cidade estava cheia!
      Vale a pena sim conhecer este camping.

      Abraços

      Excluir
  3. Estamos com disposição para retornar para região, qual o valor da diária? Abraços

    Kelly

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Kelly,
      Pagamos R$30,00 a diária por pessoa.
      Abraços

      Excluir